Logo -Portal Máxima Saúde
A+ | A- | Padrão
Sexta-feira, dia 29 de agosto de 2014
Calculadoras
Área Restrita





Esqueceu a senha?
Sem conta? Criar Conta!


Esporte é Saúde?
Imprimir -  E-mail
Classificação: / 165
FracoBom 

 

Há muito tempo a relação entre os benefícios ou prejuízos promovidos pelo Esporte à Saúde são discutidos por especialistas e pelo público leigo.  Diversos argumentos apóiam a idéia do esporte promover saúde, outros afirmam o contrário. O objetivo desse artigo é definir alguns termos principais, que geralmente são os responsáveis diretos por essa discussão.

O esporte é a Atividade Física que envolve gasto energético considerável e que possui regras específicas. Em razão das regras e por ter a competição como base, o esporte necessita do máximo rendimento, por isso, os praticantes das diversas modalidades treinam exaustivamente para superar limites e ganharem as competições.

A atividade física envolve movimentos voluntários para atingir algum objetivo. O rendimento esportivo não é objetivo da atividade física, por isso, os limites a serem superados não exigem um treinamento excessivo de seu praticante.

Geralmente os efeitos maléficos promovidos pela atividade física ocorrem em atletas que treinam há muitos anos por longos e intensos períodos, o que não é a realidade da grande maioria da população. Com o maior período de treinamento as chances de lesões ósteo-musculares aumentam.

Para entender essa relação, podemos estabelecer uma analogia com o motorista de ônibus ou de taxi, que dirigem por muitos anos várias horas por dia. Para esses trabalhadores o risco de uma colisão ou acidente de trânsito é maior em comparação a pessoas que não exerce essa atividade como ofício.

Outro argumento contra a prática de atividade física é o índice de doenças em atletas e ex-atletas. Levando em consideração que os atletas são seres humanos, algumas enfermidades são inerentes a condição humana e outras são influenciadas pelo caráter genético e pessoal, ou seja, essas pessoas mesmo se exercessem outras profissões possivelmente sofreriam dos mesmos males.

A primeira conclusão é que não podemos comparar resultados e incidência de doenças ou lesões de atletas de alto rendimento com praticantes de esporte e/ou atividade física. Podemos concluir também que o esporte é um dos fatores que levam determinado indivíduo a obter bons ou maus resultados na saúde do atleta, tendo os fatores genéticos, sociais, econômicos e culturais como parte desse resultado.



Compartilhe:    O que é isso?
Digg!Reddit!Del.icio.us!Google!Live!Facebook!Slashdot!Technorati!Yahoo!Ma.gnolia!
 

Enquete
Com que frequência você se alimenta em Fast Food?
 
Procurar












Usuários On-line
Temos 1 visitante on-line